Quantas vezes Deus quiser

Resultado de imagem para casal fotos tumblr

Que Deus nunca tire esse brilho que meus olhos emitem todas as vezes que estou com ele. É o que eu mais peço! Quando estou ao seu lado acredito que qualquer parte do meu corpo emite uma felicidade própria. E é uma felicidade visível. Até o mais incompreensível quando se trata de amor, vê que entre nós dois é o que mais emana. É a maior luz. O que mais existe. Amar por todos os poros, por todas as veias e artérias. Amar em todas as línguas e sinais.
Outra noite eu juro que ouvi meu coração contando para minha cabeça o quanto amava esse garoto e o quanto ele se animava quando as horas para vê-lo se aproximavam. Não é mentira! Eu juro que ouvi. A cabeça, em sinal de aprovação, um pouco mais séria, respondia somente que aquela havia sido uma escolha correta, mas eu sei que no fundo, bem no fundinho, ela se vangloriava de ser portadora das maiores e melhores lembranças de quando eu estou com ele.
Por isso, eu peço: que Deus nunca tire esse brilho dos meus olhos. Brilho esse que me faz viver de saudades, viver de vontade, viver de amor. Pois morrer, morrer eu não quero. Já pensou não ter mais como mostrar esse brilho nos olhos pelo simples fato de poder estar com ele? Morrer de nada, é isso que eu quero. Eu quero é viver. Viver bem. Viver de amor. Só para poder viver com ele. Ao lado dele. Só para fazer meus olhos brilharem mais uma vez.

Quantas vezes Deus quiser.

Mariana Cassiano

 

Anúncios

Em par

Resultado de imagem para foto casal tumblr

Ansiei por mãos quentes a segurar as minhas em um dia de outono qualquer, enquanto dois pares de olhos viam as folhas caindo no chão e sorriam, felizes e vitoriosos, de alguma piada sem graça. Busquei por duas almas perdidas em um espaço-tempo que não conseguíamos definir, mas que se completavam tão bem, tal qual 2 + 2 era “2 ao quadrado”.
Esperei que caminhasse sobre a areia da mais bela praia dois pares de pernas e que elas não se cansassem e parassem, mesmo que a areia acabasse e tudo o que restasse fosse terra batida ou enlameada. Também não teria problema se o primeiro par cansasse desde que o segundo se colocasse na mesma reta a esperar (pacientemente) o regresso de seu grande companheiro. Até porque todos sabemos que a menor distância entre dois pontos é uma reta, então que ela fosse pequena: o importante e essencial seria não parar jamais de caminhar juntos.
Contei com duas nuvenzinhas de sonhos a serem realizados enquanto um dos sonhadores repousava a cabeça sobre a perna de seu par. Esses sonhos estariam recheados de aventura, drama, paixão, fervor e principalmente de desejos. Sonhos que criariam pontes. Que criariam desafios. Que criariam o que são.
E aconteceu, enfim.
Desde que a minha vida virou um par não houve mais espaço para número ímpares, para frases incompletas, para músicas que não pudessem ser transformadas em um dueto, mesmo que o repertório não permitisse tanta inovação assim. Desde que minha vida virou um par não existe mais manhã triste ou tempo nublado, pois cada nuvem que existe no céu, existe para mim e para ele, também. E se por cada nuvem decai uma gota de chuva é pelo encontro dela com o sol que o arco-íris aparece. E o sol para mim? Ah… O sol é quando ele sorri. E talvez essa seja a mais bela definição do que minha vida se tornou depois de me tornar par.
E talvez não haja nenhum dia em que eu não acorde feliz por saber que mesmo que não haja sol, que eu não tenha como ver o seu sorriso, ele fará de tudo para me mostrar o arco-íris. De um jeito que só ele sabe fazer:

Em par…
… Em paz.

Mariana Cassiano

Aquele brilho nos olhos

Resultado de imagem para casal tumblr

Desejo que você acorde sabendo que tem alguém para amar. Alguém que quando fecha os olhos pensa em você como primeira e última opção. Alguém que te deseja como quem deseja um presente que dure para sempre, sem data de validade. Desejo que você acorde feliz, feliz por saber que neste mundo gigante e redondo existe alguém que quer segurar a sua mão todos os dias, que deseja te olhar como quem olha um bilhete premiado da loteria e que o guarda para que a sorte não passe jamais. Desejo que você acorde animado para uma corrida atrás do seu pote de ouro que talvez não seja tão dourado assim nem tenha um arco-íris na ponta, mas terá uma linda menina de vestido azul com um sorriso de orelha a orelha te esperando pacientemente só para sorrir com você. Desejo que você encontre paz. Pode ser no sorriso de alguém ou em algum brilho nos olhos, mas que essa paz seja tão repleta, mais tão repleta que transborde para “contaminar” paisagens e sentimentos. Desejo que você sinta o coração apertar e que não seja fadiga ou dor e sim ansiedade de ver que já são 16:00 e daqui a pouco ela está chegando para te chamar pra sair. Desejo que você ache morada para rir, mas rir de gargalhar, rir de fazer doer a barriga, rir de quase morrer. Morrer de rir. Rir para mostrar esses dentes lindos que só você tem e que todos param só para ver você sorrir. Desejo a você flores, um dia sem nuvens, uma sombra fresca, cabelos ao vento e um sorriso de batom vermelho olhando na sua direção.
Desejo que você tenha um lugar para repousar e que esse lugar seja no colo da menina que você escolheu para dividir não só suas alegrias ou só suas tristezas, mas todo o trajeto que existe entre o começo e o fim da sua vida. Alguns chamam esse caminho de felicidade e tem sentido chamar assim.
Contudo, eu não sei que nome você deve chamar, mas o meu é bem simples:
se chama você.

É tarde, já passa da meia noite, você deve estar dormindo, mas eu só queria te contar mais uma vez sobre nós dois.

Mariana Cassiano

Quando amor vira pronome

Resultado de imagem para casal tumblrPor algumas horas no meu dia paro frente a um punhado de papéis em branco e uma caneta e tento escrever. Nunca pensei que seria uma missão tão difícil mesmo tendo tantos sentimentos bons.

Escrevo algumas palavras, apago outras e torno a escrever mais algumas, só que nenhuma delas parece corresponder ao que realmente gostaria de falar.

Por alguns segundos, ou até muitos, somente pronomes me vem a cabeça, então, com alguma graça, hoje falarei assim. Trocarei milhares de adjetivos e substantivos, deixarei de escrever textos grandes e poéticos demais, para falar bem rapidinho, repleta de uma poesia mais genuína.

Então vamos lá!

Ele não sabe, mas eu já não sei acordar sem receber um “bom dia” seu carregado de amor e carinho. Isso porque ele não faz ideia do quanto o seu sorriso reconforta todo o meu dia. Parece mentira, mas nós nos entendemos desde a pontinha do pé ao último fio do cabelo! E isso é para poucas pessoas, viu?

As flores, ah as flores, elas ficam até mais bonitas quando estão perto da gente, elas percebem que perco o ar todas as vezes que ele olha para mim. E cisma em permanecer comigo em todas as nossas aventuras loucas.

E por mais que pareça que os pronomes acabaram, junto com a criatividade, talvez, e não haja motivos para este texto continuar, temo dizer que ainda faltam algumas palavras, meu querido. Algumas palavras que remetam a nós e ao que hoje chamamos de nós. Nós dois, talvez.

Cruzei o meu sorriso
com os seus olhos
Cantei as minhas canções
para acalmar o seu coração
Abri meus ouvidos
para sentir o som da sua voz
Contei meus segredos
e você contou seus medos
E no final você mostrou tudo
o que eu poderia sentir
Enquanto nós ríamos
de uma piada sem graça qualquer
E hoje não tenho medo
receio, ou dúvida de dizer
que eu
amo
você

Eu te amo, meu amor.

Mariana Cassiano

O seu sorriso

Resultado de imagem para casais tumblrToda noite antes de dormir eu acho que ele não tem noção do quanto eu gosto de dele, do quanto eu conto os dias e minutos para ver ele, mas ele sempre me diz que sabe sim. E tanto sabe que tem por mim o mesmo sentimento, se não o dobro dele. E, sinceramente, eu não duvido não.
Toda noite antes de dormir eu fico lembrando o sorriso dele, tentando adivinhar porque dele existir e aparecer sempre em cada comentário meu sobre o nosso dia. Ele diz que é normal sorrir quando está perto de quem se ama. E, sinceramente, eu não duvido não.
Toda noite antes de dormir eu fico lendo e relendo todos os textinhos que ele me manda, cada um mais simples que o outro e mais lindos que qualquer poema de Carlos Drummond de Andrade também. Ele fala que se inspira em cada olhar que damos um ao outro durante o dia e que o nosso abraço é o maior poema que poderia ser escrito. Ele que disse isso, e eu não duvido não.
E se eu fosse contar todos os olhares de cumplicidade que trocamos quando estamos juntos ou as risadas que damos depois de uma piada super sem graça (dele, é claro!); ou se fosse explicar a sensação de paz que a mão dele trás ao meu corpo toda a vez que ele a segura na minha; ou a forma com que ele tem de falar comigo ou falar de mim para outra pessoa, duvidaria que qualquer pessoa acreditasse. Mas eu não ligo não.
No final das contas, por mais que pareça que toda essa poesia saiu de mim, temo ter que adiantar um pouco da história porque não fui eu quem descobriu essas coisas. Foi ele que me disse isso tudo isso, com um sorriso largo no rosto como de quem muito ama. Me ama.

E sinceramente?

Eu não duvido não.

Mariana Cassiano

Bravo

Resultado de imagem para menina olhando menino tumblr

Acredito que você já deva ter ouvido muitas histórias sobre ela. De como ela é incrível e dedicada e inteligente e comprometida, tantos adjetivos somados por “e” que há até quem duvide, acho que até eu duvidaria, mas querido, hoje essa história é só sobre você.

Uma menina um dia me apontou o céu e disse que lá de cima alguém orou muito por ela. Orou tanto, mas tanto, que um dia (ah aquele dia) a vida lhe pregou uma peça. E é engraçado dizer que foi você a tal peça que vida pregou. Doce, simples, vestindo um macacão de durão, com cara de malvado. Há quem pense que você é forte e há quem duvide: ela tem total certeza de que você é. Mas a sua bravura não vem das sobrancelhas cerradas e do olhar sério. Tão pouco vem do seu jeito de andar ou de se vestir. O boné pra trás não esconde o cara determinado, jamais faria isso, ele só destaca o menino brincalhão que existe dentro de você.
Bravura tem haver com os seus olhos ao verem uma situação complicada de ser resolvida e do nada, como mágica, você consegue resolvê-los e não tira nenhum crédito para si. (Você é mágico?)
Por bravura também entenda suas mãos que seguram todos os perigos que existem no mundo, tomando para si a responsabilidade de defender todos aqueles que você ama, ou aprendeu a amar. (Você é super herói?)
Bravura tem haver com o seu jeito de falar e de lidar com as pessoas, sempre preocupado com todos, em estar próximo a todos, cuidando e amparando qualquer um que de você precise. (Você é protetor?)
Bravura é quando você sorri, com esse seu sorriso despretensioso que deseja a felicidade daqueles que ao seu lado estão, sendo engraçado, risonho. Sendo feliz. (Você é palhaço?)
Bravura é o tanto que você ama. E o tanto que você mostra o que é amar. Amar desse jeito simples, como quem faz todos os dias uma simples oração. A oração de amar. (Você é amor!)

Ser bravo não tem nada haver com lançar medo aos que a sua volta estão. Ou ser malvado, cruel. Ser bravo é ter dentro de si uma capa vermelha de herói de história em quadrinho e tirar toda a vez que precisarem. É trazer na mala sorrisos e coração.
No final das contas: é ser você.
Ser totalmente…
Incrivelmente…
Você.

Mariana Cassiano

Tão bom

Se eu tivesse o conhecido hoje saberia de cara que seu sorriso me deixa sem ar e que todas as vezes que ele me olha é como se fosse a primeira vez.

[Mas descobrir isso, pouco a pouco, foi tão bom.]

Se eu tivesse o conhecido hoje saberia que as mais belas canções conheceria ao seu lado e praticamente qualquer música poderia servir de trilha sonora para nossos dias juntos.

[Mas descobrir isso, pouco a pouco, foi tão bom.]

Se eu tivesse o conhecido hoje saberia que o silêncio do seu olhar acalma e conforta todo o meu sistema nervoso e por mais que em alguns momentos meus sentidos reprimam algum sentimento, lá está ele todo aberto, todo certo para tirar qualquer medo de mim.

[Mas descobrir isso, pouco a pouco, foi tão bom.]

Se eu tivesse o conhecido hoje saberia que o rádio toca todos os dias a mesma música, mas não saberia que essas músicas foram escolhidas depois de me conhecer.

[E descobrir isso foi tão bom.]

Se eu o tivesse conhecido hoje, saberia que a forma como ele me trata é a forma como quase todas as garotas do mundo gostariam de ser tratadas, mas não saberia que sou eu quem ele escolheu para tratar assim.

[E descobrir isso foi tão bom.]

Se eu o tivesse conhecido hoje, saberia que nossas semelhanças assustam até as pessoas mais convictas do nosso “dar certo”, mas não saberia que quem construiu tudo isso, fomos nós, exatamente nós.

Se eu tivesse o conhecido hoje, saberia que o melhor lugar para se estar é no seu abraço.

[Mas descobrir isso quando é uma terça feira, ele está no trabalho e você com saudades, foi tão bom.]

Um mundo de encontros e desencontros. Onde um rapaz esbarra em uma menina e desde então não se passou um dia sem que o seu “bom dia” não seja esperado por ela, ou que o “se cuida” dela não o deixe sem palavras todas as noites.

Mas, no final, foi bom. Descobrir tudo isso foi bom.
E descobrir você:

[foi]
[tão]
[bom]

Mariana Cassiano