Eu queria não ter que dizer Adeus!

Eu queria ao menos uma vez esperar pelo amanhã sem ter que deixar o ontem. Eu queria acordar de manhã cedo e continuar dormindo. Eu queria não estudar e passar de ano. Queria começar a ler um livro e já saber o fim da história. Eu queria que a chuva na praia não me impedisse de ficar bronzeada. Eu queria saber dizer Adeus. Eu pensava que podia carregar comigo todas as lembranças boas e esquecer as ruins, mas não posso. Eu pensava que quando eu saia do meu quarto meus bonecos ganhavam vida. Eu pensava que todos eram meus amigos e que seria duro me despedir deles. Eu pensava que sabia dizer Adeus! Eu imaginava que a pessoa mais especial da minha vida estava bem ao meu lado. Eu imaginava que Geografia era perfeita até esse ano. Eu imaginava que Português era fácil. Eu imaginava que era só felicidade. Eu imaginava que pensava que sabia dizer Adeus! Eu contemplava as coisas simples da vida. Eu pensava que tudo era festa. Eu imaginava que todas as minhas amigas eram grandes se eu era a criança feliz. Eu queria poder nunca me esquecer daqueles que me fizeram bem. Eu realmente não queria me esquecer. Eu queria sinceramente conseguir dizer Adeus! Eu pensava que seria fácil, até o momento que chegou. Eu pensava que era simples, não doeria, eu entenderia, mas não. Pensava que nada me impediria de buscar outra árvore, uma árvore que me desse mais escolhas, que me mostrasse outros caminhos. Eu pensei que era fácil dizer Adeus! Eu esperei outra reação, uma reação que por lógica nunca existiria. Eu esperei não chorar, eu esperei não gritar, eu esperei não querer voltar. Eu esperei juro que eu esperei que não fizessem diferença alguma para mim. Eu esperei me enganei e chorei. Mas agora eu quero ficar, ficar por eles, com eles para sempre. Uma parte de mim acha que eu devo ir e não me prender, outra? Ah, a outra quer o aconchego, a semelhança, a união. A outra os quer. A outra não quer dizer Adeus, não imagina dizer Adeus, não pensa em dizer Adeus! A outra parte de mim, a parte que os ama, que não os quer deixar de maneira alguma, não sabe dizer Adeus!

Por que só você me fazer verdadeiramente feliz!

À minha turma, (qualquer número contanto que venha antes) 1.

Anúncios

3 comentários sobre “Eu queria não ter que dizer Adeus!

  1. fabiola d'alessandro disse:

    lindo demais amg, nossa me deu até um nó na garganta lendo ._.
    À minha turma, (qualquer número contanto que venha antes) 1. ² haha, adorei s2

O que achou do texto?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s