Sentimentos Imutáveis

 

            Não existem burros ou inteligentes no quesito amor, amizade ou até mesmo na vida. Existem simplesmente pessoas que fazem o que o coração manda e muitas vezes se tornam burras aos olhos daqueles ditos inteligentes, que são mais racionais e agem milimetricamente certos, sabendo exatamente o que fazem ou não. Sim, estes não sofrem, não choram, não ficam noites sem dormir, mas não porque são inteligentes. Não! Os inteligentes não sofrem, porque eles não se arriscam, não tentam, não mudam… Não amam.

            Para amar, se paga um preço muito alto. Isso é necessário para ser feliz. Não importa que erremos uma, duas, três, ou infinitas vezes contanto que estejamos felizes, não importa se será para sempre ou por apenas duas horas.

            Os inteligentes falam de amor sem se abalar, somente por não conseguirem falar de amor, não conseguirem expressar tudo o que sentem. Os burros falam de amor se magoando, se corroendo, sofrendo, chorando, somente por sentirem cada gota e cada dor do amor.

            Qual seu tipo de amor? Siga seu caminho, sua vida. Ame sem medo de amar. Às vezes você sem querer, perde aquilo – que nem sabia –, que mais amou na vida.

Anúncios

O que achou do texto?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s