Eu a deixei com uma rosa

Foi embaixo de uma chuva de verão que tudo se acabou
Eu deixei o meu primeiro amor
Eu a deixei ali na areia da praia, com uma rosa em suas mãos.
Minha donzela estava sorrindo, esperançosa
Mas hoje sei que só chora.
Sua vida sem mim é um perigo,
a minha sem ti é um desperdício.
Mas foi em um barco que fugi da minha donzela.
Joguei todos os sonhos e promessas para o ar
Eu não sabia o que fazia
Eu não sabia amar.
Eu deixei minha donzela na beira do mar, com uma rosa nas mãos
Às vezes escrevo cartas e poesias
Mas me falta coragem para enviar
Pergunto-me se alguém deu brilho aos seus olhos novamente,
Mas sei que quando nossa música toca no rádio,
Seu coração ainda sorri.
Eu que mandei tocar.
Arrependo-me de ter te deixado
Penso todos os dias em retornar com meu barco.
Mas o mar secou quando eu deixei o meu primeiro amor
Com uma rosa nas mãos.

Como eu não sei escrever poemas, retirei esse do forno. É de um amigo meu. Pedi permição para por este magnifico poema aqui, mas claro sem deixar de dar os devidos créditos. Muito lindo não é?

Beijos, Peter.

Anúncios

O que achou do texto?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s