São palavras

image

Pena de escrever
receio de sujar mais uma página em branco
com minhas mazelas
minhas tristezas
ou asperezas
Não pensem que é fácil
não é só um juntar de letras
as palavras podem fazer sentido
ou não
mas com certeza dizem algo
Realmente
literalmente
não está fácil para ninguém
Pronto
mais uma folha rasgada
amassada pelo descrédito
pelo dito e sonoro
“não
não ficou bom”
Falta que eu apareça
que conte minha verdade
que finja para todos que não sou eu
quando, na verdade, é tudo sobre mim
As palavras, também, estão fáceis demais
tenho de culturizar isso aí
Vejamos:
Paralelepípedo
prolixo
ócio
BLERG
Que estranho
amasso
Esqueçam esse poema
esta chato
esquesito
feio
Ou não esqueçam
lembrem-se do pior poema
das piores palavras
piores sentimentos
piores ais
(Tanto faz)
as palavras são minhas
ponho-as aonde quiser
ou não-quiser
Não és obrigado a ler
mas sou obrigada a escrever
São palavras, querido
e mesmo que não fizessem sentido
seria um crime inafiançável não deixa-las
existir

Mariana Cassiano

Anúncios

O que achou do texto?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s